Um Bugatti Brescia Type 22 Roadster 1925 ficou debaixo d´água por mais de 70 anos e foi leiloado por 226 mil euros.

O que contam sobre sua história, é que um jovem arquiteto o abandonou em um lago na Suíça e fugiu, permanecendo submerso por décadas.

Um Bugatti foi encontrado depois de quase 70 anos submerso em uma profundidade de 53 metros, abandonado em um lago na Suíça. Foi atração de um pequeno grupo de mergulhadores por muito tempo, que o mantinham em segredo.

Um dos membros desse clube foi assassinado por uma gangue e seus colegas do clube de mergulho resolveram tirar o carro do fundo do lago.

A intenção foi de leiloar o veículo para arrecadar dinheiro para instituições de caridade que trabalham contra a violência, em homenagem do amigo assassinado.

O trabalho de remoção do veículo submerso foi delicado e durou 9 meses, contando com o auxílio de aproximadamente 30 voluntários. No dia 12 de julho de 2009 o veículo chegou a superfície.

O Bugatti Tipo 22 Brescia foi leiloado por 226 mil euros, em Paris no início de 2010. Foi arrematado pelo Museu Mullin de Oxnard (Califórnia) que optou por não restaurar o veículo.

Confira a galeria de imagens abaixo:

Página 1 de 9
CONTINUAR