Conheça a Scania Conversível com 1000cv

Ao Norte da Suécia, mais precisamente no coração da Escandinávia, encontra-se o mais famoso customizador de Caminhões da Europa. Trata-se de Svempa Bergendahl, coroado rei na incrível arte de customizar caminhões.

A oficina de Svempa existem varias Scania R620 V8 para serem personalizadas por ele, Svempa enriqueçe o interior da cabine com detalhes e tecnologia como TV, vídeo e DVD, bancos e volantes em couro e rodas especiais de alumínio que são produzidas por ele mesmo. Depois de prontos, esses cavalos-mecânicos passam a valer mais de 140 mil euros na Italia.

Na última década Sven Erik, o primeiro nome de Svempa, customizou mais de 400 caminhões na Europa. Começou com essa arte nos anos 80, customizando seu primeiro caminhão (uma Scania R141H 6×2) em 1989. Na Holanda recebeu o prêmio de ‘Caminhão mais bonito da Europa’. Em 2006 foi para Turim receber das mãos do mestre Pinni Farina o prêmio por uma de suas ‘obras’, coroada como o ‘caminhão mais bonito do mundo’.

Entre os mais de 400 caminhões customizados, a obra prima do sueco é o R999. Essa espetacular máquina era nada menos que um velho cavalo mecânico Scania T500 cujo destino seria o ferro velho. Svempa e sua equipe cortaram o teto da boléia, rebaixaram o pára-brisa em 35 centímetros, cortaram as portas, reduziram a distância para o solo em 10 centímetros e no bico do caminhão, colocaram uma grade da nova Série R.

Reconstruído a partir do zero com peças usadas, o cabriolet foi pintado em três camadas (prata por baixo, vermelho transparente no meio e verniz por cima). Somente essa pintura consumiu cerca de 15 mil dólares. Não satisfeito, distribui cromados nas janelas traseiras, amortecedores e no tanque ao estilo americano, além das rodas e outros detalhes.

Painel e volante de fibra de carbono, com o assoalho da cabine feito de vidro para que a caixa de câmbio possa ser vista em ação. Muito couro revestindo as poltronas, com detalhes mais que exclusivos. E sob o capô um motor V8 de 16 litros e 500 hp ajustado para gerar mil cavalos de potência. Esse potente motor bi-turbinado teve o comando de válvulas e o sistema de injeção de combustível substituídos para se ajustar a nova potencia.

A transmissão automatizada é da Alisson, com elevada relação do diferencial. E tanta força só poderia resultar em uma aceleração de 0 a 100 km/h em 5,5 segundos. Nada mal para uma máquina que ultrapassa os 200 km/h e deixa o público Europeu apaixonado.

Nos eventos que Svempa é convidado, ele gosta é de queimar pneu e sentir o atrito da borracha no asfalto. Afinal foram 5 mil horas dedicadas à concepção desse sonho.

Créditos: Shopcar

Confira a galeria de fotos abaixo: