O Rolls-Royce ‘Sweptail’ foi lançado no fim de semana no Concorso d’Eleganza em Villa d’Este.

De acordo com a Rolls-Royce, a história do Sweptail começou em 2013 quando um “conhecedor e colecionador de itens únicos, incluindo super-iates e aeronaves privadas” veio à empresa com uma ideia de um cupê de luxo sob medida.

O cliente começou a trabalhar com Giles Taylor, diretor de design da Rolls-Royce, e a inspiração foi extraída de iates de luxo modernos e clássicos, bem como Rolls Royce dos anos 20 e 1930, incluindo o 1925 Phantom I Round Door de Jonckheere, Park Ward’s 1934 Phantom II Streamline Saloon, o 1934 Gurney Nutting Phantom II Dois Door Light Saloon, e 1934 Park Ward 20/25 Limousine Coupé.

Na parte dianteira, o Sweptail tem uma grade polida a mão, uma placa contínua de alumínio e é dito ser a maior grade vista em um Rolls-Royce moderno.

As principais mudanças, no entanto, ocorrem em torno dos lados e traseira, com a linha do teto esticado e comprimido para incorporar um grande teto de vidro panorâmico. Da parte traseira e acima, a forma do teto e do vidro foi inspirada por yachts.

No interior, o Sweptail tem abundância de folheados e madeira sob medida, elementos de alumínio e couro. Há assentos para apenas duas pessoas, com o banco traseiro substituído por uma prateleira artesanal com espaço projetado especificamente para chapéus.

O carro, alimentado por um motor V12 de 6,75 litros do Phantom VII, apresenta várias características de design exclusivo, incluindo um sistema que utiliza uma garrafa de champanhe com o toque de um botão.

O preço do Rolls-Royce Sweptail não foi divulgado.

Confira a galeria de fotos abaixo:

Página 1 de 7
CONTINUAR