Comprar um carro seminovo ou usado sempre envolve riscos. Como conseguir prever que ele não terá uma quebra ou manutenção pesada em breve? Outra armadilha constante é o golpe de “maquiar” o veículo para efetuar uma venda valorizada. Ou seja, o vendedor age de má fé recuperando um carro acidentado, reduzindo a quilometragem ou escondendo defeitos para não assumir a responsabilidade dos problemas. Para ajudá-lo a fazer a compra certa e reduzir o risco de surpresas desagradáveis, a RB Consultoria Automotiva compartilha dicas segmentadas baseadas no nosso processo de avaliação física. Veja abaixo:

Ao localizar o anúncio de um carro do seu interesse, desconfie de facilidades abusivas como preço muito abaixo da média do mercado. Observe bem as fotos, procurando detalhes como originalidade, estado dos bancos, volante e demais acabamentos. Pesquise sobre o dono e sinta-se livre para exigir informações como foto do manual do proprietário e de manutenção, cópia de notas fiscais de serviços realizados e até mesmo um vídeo mostrando o veículo em detalhes. Isso pode poupar sua viagem até o carro, pois, ao menor sinal de marcas não desejadas, fuja!

Esta é a parte mais criteriosa e mais importante que você terá que fazer. Em primeiro lugar, controle sua ansiedade! Comprar um carro mexe com nosso emocional e o entusiasmo nos tira a visão do que realmente temos que analisar. Para facilitar, vamos pontuar todos os itens que qualquer pessoa pode vistoriar.

Como avaliar um carro usado

Pintura: Exija sempre o carro limpo e em um local com boa iluminação natural. Procure por diferença de cor, alinhamento das peças, quinas com marca de escorrido de tinta e até mesmo resto de material de funilaria, como massa de polir ou cera.

Como avaliar um carro usado

Rodas e pneus: Veja a marca do fabricante dos 4 pneus, medida e desgaste. Pneus com desuniformidade de desgaste indicam problemas de suspensão ou estruturais. Aos veículos sem estepe, atente-se aos pneus runflat, que podem rodar vazios até uma certa quilometragem. Além de precisarem de uma atenção especial, como se há bolhas, eles custam muito mais que o convencional e isso pode resultar em um prejuízo logo após a compra.

Como avaliar um carro usado

Faróis e vidros: Veja se os faróis são originais e procure pela de fabricação neles, pois ela tem que bater com o ano do veículo. Caso haja data posterior a fabricação, pode ser um indício de batida frontal. Os vidros devem conter numeração de chassi igual a do documento do veículo.

Led de roda se tornou tendências para os entusiastas automotivo para terem um novo visual, utilizando o led de roda seu passeio fica mais legal e animado, as luzes coloridas atraem a atenção de muitos espectadores. Clique aqui e saiba mais

Como avaliar um carro usado

Acabamentos e tapeçaria: O interior retrata como o proprietário cuida do veículo. Atente-se a bancos rasgados e marcas de umidade. Acabamentos mal encaixados, parafusos e trilhos de bancos com oxidação e marcas de sujeira em cantos podem indiciar uma recuperação de enchente.

Como avaliar um carro usado

Airbags: A maioria dos carros equipados com airbags tem o sensor montado no cinto de segurança dianteiro, então você pode identificar a data de fabricação do mesmo na parte inferior, estampado numa etiqueta.

Como avaliar um carro usado

Funcionalidades: Não deixe de testar tudo no veículo, de vidros elétricos a sistema multimídia. Nos carros atuais, um problema em qualquer um desses sistemas pode representar um prejuízo imenso. Atente-se a luzes indesejadas acesas no painel.

Como avaliar um carro usado

Acessórios obrigatórios: Verifique estado do estepe, bem como se o carro possui todas as ferramentas necessárias para troca de pneu, assim como manuais e chave reserva.

Como avaliar um carro usado

Estrutura e mecânica: Os carros atuais possuem manutenção com valor bem expressivo, então não deixe de pedir ajuda ou contratar um serviço de alguém experiente e especializado no assunto para avaliar as longarinas, colunas e soldas originais, bem como o funcionamento de motor, câmbio, direção e suspensão.

Documentação: Existem órgãos especializados em vistoria cautelar que indicam se o carro teve passagem por leilão, falência, inventário ou qualquer tipo de alienação que te prejudique posteriormente a compra. Não hesite em usar!

Todas as semanas a RB Consultoria abre caixa de perguntas no Instagram, divulgando dicas e experiencias que te orientam a fazer um bom negócio. Nos vemos por lá!

A RB Consultoria é parceira do Motor1.com Brasil. Com métodos exclusivos, faz a análise de perfil e vistoria dos veículos para ajudar na busca de um carro novo, usado ou seminovo. Para mais informações, acesse o Instagram @rbconsultoriaautomotiva

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here