Novo modelo tem 620 cavalos de potência e atinge os 100 km/h em 3,2 segundos

 (Divulgação/Ferrari)

A Ferrari apresentou ontem (13), na Itália, seu novo modelo. Batizado de Roma, o carro é um cupê, para dois passageiros, com motor posicionado na posição central-dianteira.

Segundo a fabricante italiana, o novo carro “representa o estilo de vida da Roma dos anos 1950 e 1960”. Entretanto, os traços fazem lembrar muito os esportivos ingleses da Aston Martin e McLaren.

Caimento da traseira e 4 saídas de escapamento dão esportividade ao modelo

Caimento da traseira e 4 saídas de escapamento dão esportividade ao modelo (Divulgação/Ferrari)

A dianteira traz uma grade um tanto “retrô”, que aparece sobre um divisor e rodeada pelos faróis que têm luzes de posição diurnas flutuantes.

Na traseira, a carroceria tem uma queda acentuada e o para-brisas é quase em formato trapezoidal. O para-choque preto com 4 saídas de escape confere boa dose de esportividade ao modelo.

Interior é luxuoso e repleto de tecnologia; seletor de marchas é exclusivo da Ferrari

Interior é luxuoso e repleto de tecnologia; seletor de marchas é exclusivo da Ferrari (Divulgação/Ferrari)

O motor é o V8 biturbo, da família de motores que conquistou o prêmio de melhor do mundo nos últimos 4 anos, capaz de gerar 620 cavalos de potência a 7.500 rpm. Acoplado a ele vem o novo câmbio automatizado de dupla embreagem de 8 marchas.

Famosa Praça de Espanha foi um dos cenários de Roma escolhidos para as fotos de divulgação

Famosa Praça de Espanha foi um dos cenários de Roma escolhidos para as fotos de divulgação (Divulgação/Ferrari)

Segundo a Ferrari, o Roma atinge os 100 km/h em 3,4 segundos e tem velocidade máxima de 320 km/h.

No interior, de alta tecnologia e revestido com couro e Alcantara, o passageiro carona tem um sistema de entretenimento à parte, com uma tela exclusiva para si.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here