Lançado no Brasil em 1998 para substituir o Tempra, o Fiat Marea brasileiro era basicamente igual ao modelo europeu, salvo pela ausência das versões a diesel, devido à proibição do uso deste combustível em automóveis de passeio e da simplificação das opções à gasolina existentes. As primeiras unidades da Marea Weekend vendidas no Brasil em 1998 foram fabricadas na Itália, enquanto o sedã já era fabricado na fábrica da Fiat em Betim, MG. No entanto, toda a gama de propulsores do modelo era importada da Itália e montada no Brasil. Por quase uma década, o Marea atuou no segmento de médios pela Fiat, tanto os segmentos premium quanto o de entrada da categoria. Em 2006 as versões ELX, HLX e Turbo deixaram a linha de produção, extinguindo os propulsores 1.8L, 2.4L e 2.0L Turbo; restando apenas a opção pela versão SX 1.6L. Com vendas em queda e tecnologicamente defasado diante dos concorrentes, o Marea foi aposentado em 2007, dando lugar ao Fiat Linea, um sedan derivado do Fiat Punto.

Apesar de ter ficado muitos anos no mercado, o Marea acabou se tornando uma grande dor de cabeça e adquiriu uma fama nada boa no mercado nacional, os problemas foram tantos que muitos proprietários passaram a abandonar os carros em ruas e estradas.

Os moradores de Jardim da Campina, na grande São Paulo, estão revoltados com o abandono de um Fiat Marea ELX 2000/2001. O carro está há mais de 2 anos na praça pública do bairro causando transtornos a população local e prejuízos a saúde pública, insetos, lixo, água parada, rua estreita atrapalhando o tráfego de veículos.

Nem a prefeitura, nem o dono apareceram para remover o carro, que tal você ir buscar esse bom e velho Marea para por em sua garagem?

Foto reprodução

 

Procura-se o dono: Fiat Marea está há 2 anos abandonado em rua de SP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here