O artista Jason deCaires Taylor se superou com a produção da exposição de incríveis esculturas debaixo d’água: “La Evolución Silenciosa”.

Quem vai ao Caribe para descansar em praias paradisíacas não pode  imaginar que debaixo d’água existe um museu impressionante.

Com mais de 400 esculturas submersas a 9 metros de profundidade entre Cancún e a Ilha das Mulheres no México, Jason criou o maior recife de corais em esculturas.

As obras são feitas especialmente com um material poroso, uma espécie de concreto ecológico de pH neutro, feito para resistir centenas de anos embaixo d’água.

O material facilita o crescimento de corais, abrigando várias espécies, como pequenos peixes, crustáceos, ouriços e estrelas-do-mar.

Confira AQUI o VÍDEO do museu existente no Mar do Caribe

As esculturas com pesos de mais de 120 toneladas, chegaram para abrilhantar ainda mais o fundo do mar, criando um vínculo com a natureza submarina e modificando-se com o tempo.

A criação das obras foram inspiradas em moradores da região, uma aldeia de pescadores a 35km de Cancún.

Além de peixes tropicais coloridos nas águas límpidas da costa do Caribe, o conjunto de esculturas nas profundezas, fazendo abrigo aos mais lindos corais que compõem um dos museus mais originais do mundo.

Confira a galeria de imagens abaixo:

Página 1 de 12
CONTINUAR