À venda na Europa desde 2014, a atual geração da Nissan Frontier parece estar com os dias contados na região. Localmente chamada de Navara, a picape vem enfrentando dificuldades desde antes da pandemia e amargando vendas em queda a cada ano. Não à toa, a produção na fábrica de Barcelona, na Espanha, será encerrada no fim do ano e, depois disso, apenas unidades em estoque serão vendidas.

Nem mesmo o facelift recentemente apresentado na Ásia será lançado por lá. A planta espanhola, inclusive, opera há certo tempo com ociosidade e será fechada em razão do programa de reestruturação global da Nissan. Lá também eram fabricadas as picapes Renault Alaskan e Mercedes-Benz Classe X, já descontinuadas e igualmente mal-sucedidas do ponto de vista comercial.

O site Pickup&4×4 explica que os estoques no Reino Unido e mercados europeus devem durar pelo menos até o início de 2022, mas que depois disso não há previsão de substituição. Uma alternativa seria trocar a produção espanhola por unidades importadas de uma das três outras fábricas que montam a picape atualmente: Samut Prakan, na Tailândia; Rosslyn, na África do Sul; e Córdoba, na Argentina. Até o momento, porém, não há nada oficial nesse sentido.

Em todo o mercado europeu, a Frontier vem perdendo espaço a cada ano. Em 2016, por exemplo, foram 30 mil unidades vendidas. O volume caiu para 21.904 em 2019 e apenas 11.695 em 2020. Para efeito de comparação, a líder Ford Ranger vendeu, também em 2020, 42.941 unidades, seguida pela Toyota Hilux com 25.331 e Mitsubishi L200 com 15.501. Depois da Frontier, aparecem ainda Volkswagen Amarok com 11.469, Isuzu D-Max com 7.090 e Mercedes Classe X com 3.915.

Nissan Frontier 2020 (Europa)

Apesar das dificuldades, a Nissan alimenta expectativas. “Não estamos anunciando o fim da Navara para a Europa. A Navara é um produto importante”, disse em nota. Além disso, afirmou que “os planos de produtos futuros serão anunciados oportunamente”. Nesse sentido, há chances de a picape voltar ao continente em 2024, já em nova geração, importada e provavelmente equipada com propulsão híbrida.

No Brasil, a Frontier chega a partir da Argentina e segue em oferta normalmente. 

Ouça o podcast do Motor1.com:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here