No mesmo dia em que apresenta a nova geração do Prisma e confirma o uso do batismo Onix no mercado global, a Chevrolet inicia oficialmente na China as vendas do sedã Monza. Desenvolvido localmente com a missão ficar abaixo do Cruze, o modelo estreia em duas versões (Redline e RS) oferecendo visual com apelo esportivo e mecânica composta oferta apenas de motores turbinados. Os preços começam em 8,99 milhões de yuan na opção de entrada e alcançam 11,99 milhões de yuan nas configurações topo de gama – respectivamente R$ 50.719 e R$ 67.644 numa conversão direta.

De porte considerado médio para os padrões brasileiros, o novo Monza mede 4,63 metros de comprimento, 1,79 metro de largura, 1,48 metro de altura e 2,64 metros de distância entre-eixos. É construído sobre a plataforma Vehicle Strategy Set (VSS-F), arquitetura que paulatinamente começará a ser usada por diversos modelos das marcas Chevrolet, Buick e Cadillac. No Brasil, as novas gerações de Onix, Prisma, Spin e Tracker adotarão uma versão simplificada desta base, chamada internamente de GEM (Global Emerging Markets) e cujo desenvolvimento contou com a participação direta da chinesa SAIC.

Chevrolet Monza

Neste primeiro momento, a oferta é composta por apenas duas versões e ambas têm apelo esportivo. A primeira, chamada Redline, incorpora decorações vermelhas na grade inferior, espelho retrovisor e spoiler, enquanto a segunda, batizada de RS, tem grade exclusiva e tomadas de ar maiores. A lista de equipamentos inclui rodas de 17 polegadas, luzes diurnas de LED, quadro de instrumentos digital configurável, ar-condicionado automático, central multimídia com tela de 8 polegadas, bancos revestidos em couro. Posteriormente será lançada uma variante de entrada, identificada pela sigla 320T, com visual mais simples.

Quer se tornar um mecânico de sucesso? Clique aqui !

Sob o capô, apenas motores turbo são oferecidos. O primeiro é um 1.0 de 3 cilindros com 125 cv de potência e 17,3 kgfm de torque, enquanto o segundo é um 1.3 de 163 cv e 23,4 kgfm de força. O câmbio pode ser manual ou automático de dupla embreagem, sempre com 6 marchas. Dados de fábrica indicam consumo de 19,6 km/l e 16,9 km/l, respectivamente.

Fotos: Divulgação e Arquivo 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here