Se você procurar por “design evolutivo” no Google, é bem capaz que apareça uma foto do Volkswagen Golf. Imagens da oitava geração em testes mostram que ele será bem parecido com o modelo atual, com alterações apenas o suficiente para que pareça diferente, mas reconhecível. A estreia já foi confirmada pela fabricante para o 2º semestre, após o Salão de Frankfurt (Alemanha) – isso porque o foco da marca para o evento alemão será o hatch elétrico ID.

Enquanto algumas pessoas podem estar torcendo por um pouco de variedade no design do novo Golf, muitos clientes da marca não devem achar tão ruim assim que ele pareça familiar. Os números não mentem – o Golf foi o carro mais vendido na Europa em 2018, mesmo que a geração atual tenha sido lançada em 2012 e tenha passado por uma reestilização bem leve. Vendeu 445.754 unidades, um número impressionante para um carro que já tinha uma nova geração confirmada para o ano seguinte.

O protótipo encontrado por nossos espiões está quase limpo. Olhando com mais cuidado, podemos notar que as lanternas têm adesivos escondendo sua forma real, e achamos que elas serão menores do que a VW quer nos fazer acreditar. Os recortes do porta-malas têm linhas fora do comum, mas a abertura deve ser mais larga que a do Golf atual. Se você olhar no entorno das lanternas, irá notar dois tons diferentes de preto, o que nos faz acreditar que a tampa do porta-malas também está quase toda camuflada.

Na frente, há também um pouco de cobertura nas pontas, escondendo parte das luzes diurnas em LED. Aqueles “faróis de neblina” parecem ser adesivos, colocados em painéis em preto brilhante que não estarão no modelo de produção. Eles estão ali para esconder o desenho do para-choque, e temos que dar os parabéns para a VW por ter usado uma camuflagem bem esperta para o hatch médio.

Volkswagen Golf 2020 - Novos flagras
Volkswagen Golf 2020 - Novos flagras

Não há muito o que ver no Golf de lado, além de que terá uma linha de cintura mais alta, no mesmo nível das maçanetas. Os retrovisores laterais parecem estar mais baixos do que o modelo atual, enquanto as portas traseiras aparentam ser mais longas. Isso pode significar que a nova geração terá o entre-eixos alongado, o que explicaria porque a janela espia das portas traseiras parecem maiores.

O interior ainda é um mistério, mas a VW promete que irá retirar a maioria dos botões físicos e substituí-los por telas e painéis sensíveis ao toque, ao menos nas versões mais caras. A possível extensão do entre-eixos deve se traduzir em maior espaço no banco traseiro, enquanto as dimensões da plataforma MQB atualizada devem ajudar a entregar um porta-malas mais generoso.

A Volkswagen adiou o lançamento do novo Golf, antes marcado para o Salão de Frankfurt em setembro. Ainda será revelado neste ano, mas fora do evento. No ano que vem, será a vez de conhecer as variantes GTI e R, e já ouvimos rumores sobre um Golf R Plus de quase 400 cv.

Fotos: Automedia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here