Volkswagen Amarok Highline V6
Henrique Rodriguez/Quatro Rodas

A Amarok V6 chegou ao mercado em fevereiro de 2018 com um belo motor 3.0 de 225 cv sob o capô para fazer a alegria dos picapeiros. O modelo entrega bem mais força do que o 2.0 biturbo, que rende “apenas” 180 cv nas versões mais simples da picape.Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de Quatro Rodas? Clique aqui e assine com 64% de desconto.

Mas, olhando friamente o custo das peças de reposição, a Amarok V6 não foge muito do usual para uma picape diesel. O mesmo vale para as revisões até 60.000 km que beiram os R$ 8.000 na soma. Manutenção de carro a diesel nunca é barata.

Com câmbio automático de oito marchas e tração integral, tem desempenho invejável ao acelerar de 0 a 100 km/h na casa dos 8 segundos. O V6 já ganhou mais potência, chegando a 258 cv, mas o lançamento no Brasil foi postergado para o fim do ano por causa do coronavírus.

Quanto custa para manter?

Led de roda se tornou tendências para os entusiastas automotivo para terem um novo visual, utilizando o led de roda seu passeio fica mais legal e animado, as luzes coloridas atraem a atenção de muitos espectadores. Clique aqui e saiba mais

Revisões até 60.000 km: R$ 7.932
Seguro: R$ 4.286
Rede de concessionárias: 600 lojas
Desvalorização: n/d

 

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here