As montadoras estão suspendendo suas operações no Brasil como parte das medidas de combate ao Covid-19, interrompendo a produção nas fábricas e mandando os funcionários para casa. Para aproveitar melhor alguns dos recursos parados, a Volkswagen anuncia que irá fornecer 100 veículos de sua frota para as prefeituras de São Bernardo do Campo (SP), São Carlos (SP), São José dos Pinhais (PR) e Taubaté (SP), para que sejam usados no transporte de medicamentos e equipamentos, além do deslocamento de médicos e enfermeiros.

“A liderança da Volkswagen na região segue unida e trabalhando à distância para fazer tudo que está ao nosso alcance no apoio à comunidade”, explica Pablo Di Si, presidente e CEO da Volkswagen América Latina, em nota enviada à imprensa. De acordo com a VW, os carros a serem utilizados fazem parte da frota interna, normalmente destinada à empréstimos para a imprensa e transporte interno na fábrica, podendo ser os seguintes carros: Up!, Polo, Virtus, Amarok, Tiguan, Voyage, T-Cross e Saveiro.

Os empréstimos serão feitos diretamente para as prefeituras, que irão se responsabilizar pela distribuição dos veículos para os profissionais de saúde que necessitarem dos carros, para evitar que usem o transporte público. Os automóveis cedidos ficarão com as prefeituras por tempo indeterminado.

VW Polo 1.6 MSI Automático (BR)
Volkswagen Tiguan 1.4 Comfortline - Teste

Apoio no exterior

Em outros países, como Estados Unidos e Itália, algumas fabricantes estão ajudando de outras formas, usando suas linhas de produção para montar itens como ventiladores, respiradores e máscaras de proteção. Muitas delas ainda estão explorando a ideia, que vai desde o uso de impressoras 3D à montagem tradicional. Porém, na maioria dos casos, ainda levará algumas semanas para que a fabricação seja iniciada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here